Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin

Dra. Lucilene tem participação importante na entrega da UBS de Ceilândia

Faltam, realmente, palavras para expressar na plenitude a gratidão que cada um pode e deve sentir diante desses verdadeiros heróis da modernidade, médicos, enfermeiros e auxiliares.

 

Na linha de frente a experiente superintendente da Saúde da Região Oeste, Drª Lucilene Florêncio, capaz de se desdobrar na gestão e no atendimento há anos a fio com muito amor e carinho. Sua equipe não desiste na batalha para salvar compatriotas, seres humanos.

 

Sua luta é incessante junto com os guerreiros que extrapolaram, seus limites de forças e esperanças em salvar vidas, não medindo esforços para melhorar as condições da saúde no Distrito Federal e da população.

 

Mesmo privando a si mesmo, privações inesperadas, sofrimentos inomináveis, na distância da família, evitando sequer um abraço, para resguardar os seus. E, mesmo exaustos, não desistiram. Quanto sacrifício! Quanta abnegação e entrega! Tamanho esforço não pode, nem deve, ser reconhecido apenas com um obrigado.

 

O reconhecimento pelo trabalho da Drª Lucilene, foi feito pelo chefe do Executivo Ibaneis Rocha (MDB), deputados distritais, secretários de Governo e as lideranças presentes na inauguração da Unidade Básica de Saúde nº 15 de Ceilândia, nesta quinta-feira (25).

 

Em entrevista ao Tudo Ok Notícias, a doutora declarou que recebeu a missão do governador e do secretário de Saúde, Manoel Pafiadache. “O secretário-adjunto deu a missão e a gente entregou uma UBS em funcionamento –  com cinco equipes, consistidas em estratégia da saúde da família – três equipes de saúde bucal atendendo uma população de 35 mil a 40 mil pessoas”, enfatizou ela.

Superintendente da Saúde da Região Oeste, Drª Lucilene Florêncio, apresentou ao governador a USB

Na visão da Drª Lucilene o mérito da obra entregue por Ibaneis Rocha é da diretoria administrativa, da assessoria de planejamento da região e da coordenadora da atenção primária da região.

 

“Todos trabalharam desde os mínimos detalhes para que fosse entregue. E para coroar tudo isso tivemos a parceria da comunidade com um belíssimo café da manhã. Onde todos puderam desfrutar e celebrar conosco essa entrega dentro dos moldes, de todos os regulamentos, vacinas, estão aqui”, ressaltou ela.

 

Ela contou que foi uma grande alegria e uma honra a confiança depositada. “Eu estou aqui de corpo e alma, com muito esmero, com muito zelo e com muito amor.”

 

Segundo ela, Ceilândia é uma região com grande vulnerabilidade e que cada equipamento de saúde é um ganho. “Precisamos aumentar o número de equipamentos públicos em Ceilândia, uma região que ficou esquecida por muito tempo.”

 

“E, agora, a gente vem fazendo, juntamente com o governador Ibaneis, todas essas entregas. Agradeço a todas as lideranças. Eu nem os chamo de lideranças, de meus amigos, de meus parceiros. E aqui eu me sinto acolhida, amada. É isso que oxigena e motiva todos os dias a vir para cá”,  complementou Drª Lucilene que tem um caso de amor antigo com a população de Ceilândia.